Está no ar o resultado da 2ª edição do Concurso de Bolsas da Melody Maker | Melody Maker Escola de Música

BLOG


Está no ar o resultado da 2ª edição do Concurso de Bolsas da Melody Maker

Em 2016, a Melody Maker Escola de Música instituiu o Concurso de Bolsas com o objetivo de descobrir e apoiar novos talentos. Com o sucesso dessa primeira edição, a escola investiu nessa área e abriu um novo processo seletivo em maio de 2017, com a 2° edição do Concurso de Bolsas.

O Concurso de Bolsas é uma iniciativa da Melody Maker Escola de Música para incentivar o desenvolvimento individual de cada bolsista durante um ano. As bolsas oferecidas podem chegar a 100%, podendo ser no curso de bateria, canto popular, contrabaixo, guitarra, teclado e violão popular.

 

Como funcionou o processo seletivo?

Para o processo seletivo ser efetivo e a escola ter subsídios suficientes para a distribuição das bolsas de estudo, o Concurso de Bolsas da Melody Maker Escola de Música foi estruturado em três etapas:

1) Inscrição online;

2) Entrega de documentos;

3) Entrevistas presenciais, práticas instrumentais e avaliações teóricas e de percepção musical.

Na primeira etapa, consistiu na inscrição online. O candidato, que desejava participar do processo, tinha que entrar no site da Melody Maker Escola de Música (www.melodymaker.com.br), preencher um formulário de inscrição e responder a um questionário preliminar. Completando essa parte, o candidato já garantia até 10% de desconto.

Na segunda etapa, o candidato precisava confirmar a sua inscrição no concurso, comparecendo pessoalmente na escola para a entrega e preenchimento de uma ficha interna da escola. Documentos pessoais como carteira de identidade, CPF, comprovante de endereço e foto, eram alguns dos pré-requisitos.

Na terceira e última etapa, os candidatos passaram por quatro avaliações:

1) Entrevista individual, com a finalidade de conhecer melhor cada candidato, suas aspirações, desejos, disposição para aprender, determinação e a condição socioeconômica;

2) Prática instrumental e vocal, para o candidato mostrar um pouco do seu talento musical;

3) Avaliação de percepção musical, para identificar a capacidade auditiva e de percepção de sons, notas e alturas;

4) Avaliação teórica, visando mostrar o nível de conhecimento teórico musical que o candidato possui.

Na primeira edição do concurso, o processo foi semelhante. Porém, essa segunda edição contou com o acréscimo de uma ferramenta de avaliação a mais nessa terceira etapa: a entrevista individual. A Melody Maker Escola de Música incluiu a entrevista no processo por considerar fundamental conhecer o candidato mais de perto, já que a relação entre a escola e o futuro aluno terá duração de pelo menos um ano. Assim, por meio de um conversa descontraída e rápida, o candidato tem a chance de mostrar um pouco mais daquilo que tem a oferecer para a escola e conquistar a sua bolsa de estudos.

Apesar de tantas avaliações, algumas dessas etapas não são eliminatórias, mas sim ferramentas para que a equipe de instrutores da escola perceba qual é o nível de conhecimento, capacidades adquiridas e o potencial que cada candidato possui realmente. Tudo isso para que a Melody Maker Escola de Música entregue uma bolsa para pessoas que ela realmente acredita possuírem talento e determinação para um aproveitar ao máximo um curso de música.

 

E os números?

Somente na primeira etapa, disponibilizada entre os dias 19 de maio a 30 de junho de 2017, a escola recebeu centenas de inscrições. Os cursos mais procurados foram os de canto e violão popular, os mesmos cursos que tiveram mais procura no concurso do ano passado.

Na segunda etapa, cerca de 80% dos candidatos entregaram seus documentos e confirmaram a sua continuidade no processo. Aqueles que desistiram, garantiram o desconto recebido na primeira etapa, caso desejem fazer o curso escolhido.

Já a terceira contou com a participação de cerca de 60% dos inscritos inicialmente. Este número passou por todas as quatro avaliações, passando a concorrer efetivamente à bolsa de 100%.

Considerando os números do primeiro Concurso de Bolsas realizado no final de 2016, a 2ª edição conseguiu ter mais efetividade nos resultados finais, alcançando mais pessoas nas etapas finais, o que, para a escola, é um ótimo resultado!

 

E aí, mas quem ganhou a bolsa de estudo???

Esse ano, o Concurso de Bolsas da Melody Maker Escola de Música vai dar a oportunidade para que algumas pessoas iniciem o seus estudos de música a partir de agosto de 2017.

Bem, com base nisso, a Melody Maker Escola de Música tem o prazer de convidar para fazer parte da grande família Melody Maker os seguintes candidatos.

Classificação

Nome do Candidato Curso % BOLSA

1

Calebe Nogueira Lopes Violão 100
2 Weren Ricardo Gome da Silva Bateria 70
3 Charles Dewey Nogueira Trindade Guitarra 65
4 Ana Luiza dos Santos Coelho Teclado 60
5 Bárbara Sabino Rocha Inácio Canto 60
6 Bruno Felipe Guedes dos Santos Canto 60
7 Isabel Silva Morette Teclado 60
8 Isadora Caroline Andrade Leal Violão 60
9 Jefferson Salomão Rodrigues Guitarra 60
10 João Pedro Ferraz de Lima Guitarra 60
11 Lanna Santos Lima Tourinho Lisboa Canto 60
12 Lohuama Santos Lima Lisboa Teclado 60
13 Lucas Moreira Michetti Caetano Bateria 60
14 Marina Corrêa de Oliveira Bateria 60
15 Matheus Pessoa Fonseca Teclado 60
16 Nicole de Freitas Carvalho Canto 60
17 Pedro Campeli L. Marques Guitarra 60
18 Samanta Tacila de Souza Guitarra 58
19 Alvaro Bernardo de Almeida Neto Violão 50
20 Ana Carolina Leal Parentoni Canto 50
21 Ana Gabriela Maria de Jesus Violão 50
22 Bruno Aguiar Pimenta da Silva Teclado 50
23 Camila Moreira Michetti Caetano Canto 50
24 Isis Ferreira de Faria Santos Teclado 50
25 João Victor Pinto Matoso Violão 50
26 Lucas Gabriel Pereira Bolonezi Bateria 50
27 Matheus Alves de Almeida Guitarra 50
28 Philippe Possolo Nardin Canto 50
29 Stellla Bernarde Oliveira Violão 50
30 Wilker Vicente Santarém Bateria 50
31 Débora Maris Luísa Ferreira Violão 40
32 Deborah Oliveira Candeias Canto 40
33 Douglas Silva dos Santos Teodoro Bateria 40
34 Fabrício Tadeu Valgas Gusmão Teclado 40
35 Giovanna Pereira Galante Canto 40
36 Israel Alvarenga Marques Violão 40
37 Luana Bernardes Oliveira Bateria 40
38 Lucas Henrique Silva de Paula Guitarra 40
39 Lucas Leandro Magalhães Rodrigues Canto 40
40 Matheus Philip Seara Andrade Teclado 40
41 Nathaly de Souza Santos Guitarra 40
42 Pedro Tadeu Lopes Violão 40
43 Tiago Costa de Menezes Bateria 40
44 Maria Luiza Fiuza Santana Canto 40
45 Yasmin  Kelly de Araújo Trevas Violão 40
46 Ailana Suely dos Santos Violão 30
47 Carolina Lana Gonçalvesde Almeida Guitarra 30
48 Daniela Lana Gonçalves de Almeida Violão 30
49 Edna do Carmo Golçalves Canto 30
50 Emerson Duraês Guitarra

30

A cada um de vocês, o nosso parabéns a cada um pela conquista!!! Vocês acabam de ganhar uma bolsa de estudos de 1 ANO de duração na Melody Maker Escola de Música, simplesmente a melhor escola de música de BH.

E as notícias boas não acabam por aqui. Os três primeiros colocados na classificação acima, além da bolsa de estudo, receberão prêmios! Sim!!! Quem tem ótimo desempenho recebe em dobro…

1º lugar: Calebe Nogueira Lopes – Curso de Violão – Ganhou um Violão novinho da Michael!!!

2º lugar: Weren Ricardo Gome da Silva – Curso de Bateria – Vale-compras nas lojas da Serenata no valor de R$ 150,00.

3º Charles Dewey Nogueira Trindade – Curso de Guitarra – Vale-compras nas lojas da Serenata no valor de R$ 100,00.

Nosso super parabéns aos três!!!

 

E o nosso agradecimento à Michael Instrumentos e à Serenata por patrocinarem os prêmios para os destaques desse concurso. Obrigado pela parceria e presença conosco nessa ação!

 

Se você participou do processo e não conseguiu uma bolsa, não desista! Em breve a Melody Maker Escola de Música abrirá outro Concurso de Bolsas e você poderá participar novamente. E quem sabe não dará certo?

 

Eu ganhei uma bolsa. E agora, o que eu faço?

Agora, os agraciados com uma bolsa de estudos devem procurar nossa equipe do setor de Atendimento a partir do dia 10 de agosto de 2017 para repassar a sua disponibilidade de horários e efetivar a matrícula. Nossa equipe verificará a compatibilidade das turmas do curso escolhido.

A data de início das aulas dependerá do ajuste de diversas variáveis:

  • Do número de vagas no curso escolhido;
  • Da disponibilidade de horários do candidato para fazer as aulas semanais;
  • Da existência de turmas e horários mais adequados ao nível musical que o aluno possui no momento.

Apesar de parecer complexo, rapidinho a nossa equipe do setor de Atendimento consegue colocar cada um em seu lugar. Depois disso, basta o novo aluno efetivar, finalmente, a tão sonhada matrícula no curso de música escolhido. Mais informações e detalhes sobre o processo de matrícula, entre em contato conosco.

No mais, a Melody Maker Escola de Música agradece a cada um pela participação e o interesse. E até breve, porque novos Concursos de Bolsa virão!